Enfermagem Obstétrica

Como identificar o trabalho de parto

Conhecendo os primeiros sinais do trabalho de parto você ficará mais tranquila quando ele começar!

16.11.2016 • Enf. Luana Brinati

Quando vai se aproximado a 40ª semana de gestação a ansiedade vai aumentando, várias dúvidas e medos vão aparecendo. Acreditamos que quanto mais informada e esclarecida a gestante estiver menor será a ansiedade e a angústia, quanto mais tranquila maior a chance de um trabalho de parto e de um parto tranquilos!

Vamos falar um pouco sobre os primeiros sinais do trabalho de parto, lembrando que somos todas diferentes, então em cada uma o trabalho de parto pode começar de um jeito!

·         Perda do tampão mucoso: é uma secreção gelatinosa, amarelada, com um pouco de sangue, que sai pela vagina, podendo sair uma única vez ou durante dias. Pode sair também depois de uma relação sexual ou de um exame de toque. Se você perder o tampão mucoso seu trabalho de parto pode estar próximo ou demorar alguns dias.

 

·         Contrações: parecem cólicas menstruais ou uma dor forte que deixa o abdome endurecido (na parte inferior) ou uma forte dor nas costas que se espalha em direção ao quadril. Diferente das contrações de treinamento, as contrações do trabalho de parto têm intervalos regulares e cada vez mais curtos, ficando mais intensas conforme o tempo passa. Se as contrações ficarem mais frequentes, uma a cada 5 minutos, com duração de 30 a 45 segundos, procure o serviço de saúde para uma avaliação.

  

·         Perda de líquido: você pode perder líquido pela vagina, ele pode escorrer por suas pernas, molhar a roupa ou a cama (rompimento da bolsa das águas). Neste caso, mesmo que não sinta as contrações, você deve ir à maternidade, pois precisa ser avaliada por um profissional.

Procure atendimento também quando houver sangramento, mesmo que não sinta dor.

 

Ficou com alguma dúvida? Deixe sua pergunta nos comentários!

Compartilhe