Terapias Complementares na Gravidez

Do-in para enjoo na gravidez

Nos três primeiros meses da gravidez, principalmente, a queixa mais comum nos consultórios é o corriqueiro enjoo. Tanto a acupuntura quando o DO-IN minimizam consideravelmente essa típica queixa de gestantes.

28.07.2017 • Patricia Fantinatti Guimarães

Nos três primeiros meses da gravidez, principalmente, a queixa mais comum nos consultórios é o corriqueiro enjoo. Tanto a acupuntura quando o DO-IN (automassagem nos pontos de acupuntura) minimizam consideravelmente essa típica queixa nessa fase da vida da mulher.
O DO-IN, técnica curativa oriental, se trata de uma automasagem que é uma estimulação manual nos pontos dos meridianos energéticos. A técnica é um recurso prático e barato para se obter muitos resultados em situações emergenciais.
Dentre os vários pontos da acupuntura estimulados para minimizar o enjoo há uma dupla de pontos que é sempre utilizada nas sessões: o F3 (Taichong) e o PC6 (Nei guan). 
O F3 (Taichong) está localizado a dois dedos de prega do dedão do pé numa depressão na parte dorsal entre o primeiro e o segundo dedo (figura 1).
O PC6 (Nei guan) se encontra na parte anterior do antebraço a três dedos da prega de flexão do pulso, no meio de dois tendões que passam nessa região (figura 2).
Estimular esses pontos em ambos os lados, direito e esquerdo do corpo, pressionando continuamente com a ponta do dedo ou com a unha durante 5 minutos cada um, pode auxiliar na redução do enjoo da grávida em questão.

Patricia Fantinatti Guimarães

Fissioterapeuta - Acupunturista - Fitoterapeuta

CREFITO/4 - 65.000

CRAEMG - 2190

Celular/ wpp.:  9 9911-7740

Compartilhe